Costas ou litoral

Restinga do Parque das Dunas

Quero visitar Imprimir
Endereço

Célula Mater - Cabo Frio

Localização:
em propriedade pública.
Pontos de referência:
Estrada de Arraial do Cabo
Localidade mais próxima:
São Cristóvão
Distância até a localidade:
900 m
Distância do Centro (Ponto zero) do município:
1,5 km
Sinalização geral de acesso:
não sinalizado
Sinalização turística:
não sinalizado
Via terrestre:
boa
Hidrovia marítima:
inexistente
Hidrovia fluvial/ lacustre:
inexistente
Ferrovia:
inexistente
Aéreo:
inexistente
À pé:
inexistente
Ciclovia:
inexistente
Outros:
inexistente
Urbana:
totalmente pavimentada
Tipo de pavimentação:
asfáltica
Nome da principal via de acesso:
Estrada de Arraial do Cabo
Tempo necessário para chegar ao atrativo partindo da localidade mais próxima (em minutos):
9
Descrição do acesso:
plano
Outras informações:
transporte próprio
Decreto:
estadual
O atrativo é ou está localizado em unidade de conservação?:
sim
Unidade de proteção integral:
parque municipal
Período de funcionamento:
o ano inteiro
Visita:
autoguiada livre
Entrada:
gratuita
Há guia de visitação impresso disponível ao visitante?:
não
Necessidade de autorização prévia de acesso ao atrativo:
não
Época de maior visitação:
janeiro
Integra roteiros turísticos comercializados:
não
Origem dos visitantes:
entorno regional
Principais emissores:
região dos Lagos
Tipo de vegetação:
arbustiva, herbácea
Tipo de flora:
endêmica
Espécies dominantes:
Lithraea Brasiliensis, Vrieses Sucri, Mouriri Arenicola.
Tipo de fauna:
rara
Público-frequentador:
moradores, turistas
Possui selo ou certificado de reconhecimento público do atrativo:
não
Observações complementares:
Nas dunas, no meio das moitas de vegetação de variados tamanhos, são encontradas também espécies raras e de interesse fitogeográfico. É o caso de Lithraea brasiliensis, espécie da família das anacardiáceas que é muito comum nas restingas de Rio Grande do Sul, mas só é encontrada nas terras fluminenses em Cabo Frio. Nos baixios mais úmidos entre as dunas, onde se forma matas baixas criando um ambiente sombreado, são encontradas populações da vistosa bromélia endemica, Vriesea sucrei, e outro pequeno arbusto endemico da família das quaresmeiras.
REFERÊNCIAS E DOCUMENTOS CONSULTADOS:
Visita técnica.